06/10/2022

EXPRESSO TRANSATLÂNTICO EM CONCERTO


2021 viu nascer um dos projetos mais interessantes do atual panorama musical: o Expresso Transatlântico. A banda lisboeta que junta Gaspar Varela (guitarra portuguesa), Sebastião Varela (guitarra elétrica) e Rafael Matos (bateria) lançou, no final do ano passado, o seu EP de estreia, muito aclamado pela crítica e que tem recebido os maiores elogios do público nacional e internacional. Foi entre Lisboa e os Estados Unidos da América que começaram a nascer as primeiras ideias do grupo. 

Gaspar Varela estava em tour com a Madonna, enquanto os seus dois companheiros lhe enviavam as primeiras «malhas» nessa viagem transatlântica. Com uma sonoridade influenciada por ritmos da música popular portuguesa, brasileira e africana, o trabalho de estreia destes jovens músicos revela-nos a banda sonora de uma Lisboa com vista para o mundo. 

Depois de uma extensa digressão nacional que passou, entre outros, por Festivais como o “Soam as Guitarras”, Festival Med, NOS Alive e que passará ainda pelo “Fólio” a 8 de Outubro, a internacionalização do trio começa na Opening Ceremony da WOMEX 2022. 

O Expresso Transatlântico irá integrar, a 19 de Outubro, o espetáculo "Lisbon Sounds: The new traditional Lisbon" na abertura da maior feira mundial de world music. Esta nova sonoridade de Lisboa será depois apresentada ao vivo em três espetáculos especiais, que levarão a nova tradição aos clubes mais cosmopolitas das cidades do Porto, Coimbra e Lisboa: 

24 de Novembro | Salão Brazil (Coimbra, 22h00 

25 de Novembro - Maus Hábitos (Porto), 21.30h 

03 de Dezembro - Musicbox (Lisboa),22.00h

FILHO DA MÃE APRESENTA "TERRA DORMENTE"


“Terra Dormente” foi editado a 8 de Abril deste ano em CD pela Omnichord Records e apresentado ao vivo pela primeira vez na “Culturgest” em Lisboa a 16 de Março. O mundo duplo e confuso, esclarecedor e sombrio que Filho da Mãe criou no seu mais recente trabalho, chega finalmente em vinil, formato para o qual tinha sido pensado originalmente. Tortuoso no percurso, dormente pelo ano que se seguiu mas radiante por existir. 

“Terra Dormente” é lançado a 14 de Outubro, data em que será apresentado ao vivo no Passos Manuel, Porto. Durante o mês de outubro, a digressão "Terra Dormente" passa ainda pela Casa Bissaya e Barreto, Coimbra (15 Outubro), pelo Carmo 81, Viseu (21 de Outubro) e pelo Bang Venue, Torres Vedras (29 de Outubro), salas bem conhecidas do guitarrista e que, passados uns bons anos, já deixam saudades.

ISABEL VENTURA QUARTETO | Teatro de Vila Real

05/10/2022

TERESA SALGUEIRO CELEBRA 35 ANOS DE CARREIRA EM NOVEMBRO


Os 35 anos de carreira de Teresa Salgueiro vão ser celebrados com três concertos especiais: em Lisboa, dia 18 de Novembro no Teatro Tivoli BBVA; em Coimbra, no Convento São Francisco, dia 24; e no Porto, no Teatro Sá da Bandeira, dia 30. E se em Lisboa, a cantora vai contar com a participação especial de Camané, Dino D’Santiago e Marisa Liz; em Coimbra Teresa Salgueiro contará com Dino D’Santiago e Marisa Liz; e, no Porto, irá partilhar o palco com Maria João e Tim. 

Será com redobrada alegria que subirei ao palco na companhia destes artistas que tanto admiro e me deram a imensa honra de poder contar com eles nos meus espetáculos. Deixo agora o convite para que se juntem a nós e ajudem a tornar estas três noites ainda mais especiais”, afirma.

MAYONEZZE À MODA DO PORTO


"Para quê definir o que não pode ser definido? Não existem rótulos, não existem comparações, o que somos é apenas a pura expressão de cada indivíduo em que na soma das partes explode em algo genuíno. Só queremos ter prazer no que fazemos e partilhar com o público essa mesma sensação
”. É assim que os Mayonezze se descrevem. Dois anos e com uma pandemia pelo meio quatro músicos juntam-se pela mesma paixão, ambição e visão, sendo esta a génese da banda. 

Desde 2019 que o seu trilho tem sido o de experimentar, fazer, refazer e aperfeiçoar, navegando entre várias influências musicais, da sonoridade Pop à textura do Rock Alternativo, surpreendendo-nos com temas de cadência eletrónica dançável. Após o lançamento de dois singles e já com outro a caminho a banda apresenta-se agora ao vivo num concerto repleto de múltiplas sensações. 

Do alinhamento farão parte o primeiro single "Verso Inverso", o segundo "A Primeira Carta" bem como os restantes temas do álbum. Este concerto é um motivo para passar um bom momento e fazer parte dele, será um evento singular de revelação e descoberta do trabalho da banda.

ISA LEEN | Casa do Povo de Ovar

BUDDA GUEDES & ANA BACALHAU | Nova Arcada Braga Blues

04/10/2022

ALMIRANTE RAMOS | "Fiel ao Romance"


Almirante Ramos é melómano e co-fundador da editora Amor Fúria, que juntamente com a FlorCaveira liderou durante quase uma década uma nova vaga da música popular portuguesa. Foi cicerone e mecenas, editou discos, organizou concertos, fez telediscos, imaginou uma nova pátria. Foi também com a Amor Fúria que surgiram as suas primeiras canções e os primeiros projetos – O Verão Azul e A Praia Grande. Em Novembro de 2020 edita o seu primeiro EP, "Cinco Canções", e assume o epíteto Almirante e o apelido como nomeação para o seu intento artístico. Em Maio de 2021 lança quatro remisturas para o single "Volta". 

O seu primeiro disco inteiro é uma reinterpretação de um álbum "perdido" d'O Verão Azul, que nunca chegou a ser editado, chamado "Fiéis ao Romance". As músicas e as letras já existiam, apenas uma ("Fogo de Artifício") foi dada a conhecer. A reinterpretação foi feita a solo, com a preciosa ajuda de Gagliardini Graça, o produtor, e as canções ganharam tanto em arranjos como em individualidade e o nome do álbum mudou para "Fiel ao Romance", do qual se extraiu o single "Portas do Céu", uma narrativa poética de um romance genuíno em que por palavras e cantos podemos almejar o lugar dos deuses. 

"O processo de gravação destas músicas iniciou-se em Agosto de 2021, na minha segunda casa da Buraca, na Amadora, e terminou em Julho de 2022, na casa do Gagliardini Graça, na Estrela, em Lisboa. O disco foi gravado e produzido por Gagliardini Graça, que tocou todos os instrumentos, a partir das canções do álbum "perdido" e nunca antes editado d'O Verão Azul, à exceção da canção "Fogo de Artifício". As vozes principais e os coros foram gravados na cave-estúdio da casa da família Macedo, na Estrela, em Lisboa. 

A canção "Noite de Verão" é um dueto e conta com a participação especial de Rita Borba. Agradecimentos: ao Gagliardini Graça, por ter acreditado nestas canções e as ter produzido, tocado e embelezado com arranjos grandiosos e ainda ter acrescentado coros em duas músicas; à Rita Borba, pela coragem de aceitar o meu convite para cantar em dueto e ter gravado coros adicionais; à família Macedo, por disponibilizar a cave da sua casa para gravar as vozes e os coros, em particular ao Francisco que nos abria a porta de casa para entrarmos. Este disco inteiro é dedicado a todos os que ainda acreditam no amor."

LUÍSA SOBRAL | "Gosto de Ti"


Servindo como porta de entrada ao universo do novo álbum, "Gosto de Ti" revela a natureza solar e expansiva deste novo trabalho da compositora, bem como a sua urgência pela celebração do amor em tempos de guerra. Fazendo do amor a sua matéria-prima, "Gosto de Ti" exalta a magia de se gostar de alguém “dos pés aos cabelos”, “da ponta dos dedos à ponta do nariz”. E gostar também dos tornozelos, dos cotovelos “que não são fáceis de amar”, sem esquecer as bochechas, claro, “feitas para beijar devagar”. “Quando se gosta assim”, canta Luísa, “só nos dá para cantar”. 

O vídeo, que conta com argumento e realização de Filipe C. Monteiro, direção de fotografia de Ricardo Magalhães e coreografia de Filipa Peraltinha, revela-nos a versão de Luísa Sobral sobre a sensação universal, mágica e reconhecível que sentimos sempre que o amor por alguém nos invade o quotidiano, a memória e os pensamentos. 

Quem nunca se viu a sorrir desmedidamente, sozinha a andar na rua, no metro, e no momento mais inesperado? É o amor a dar cor às rotinas, a baralhar a vida e invadir o quotidiano, transformando-o na mais bela das coreografias. “Gosto de Ti” é uma canção que tanto salienta a delicadeza lírica de uma autora empenhada em dar voz às emoções, como antecipa a sonoridade de um álbum propositadamente mais luminoso e com uma estética mais pop que os seus antecessores.

ST. JAMES PARK | Ovar

03/10/2022

FRED | Agenda


Depois de passar por alguns dos mais importantes festivais nacionais ao longo deste verão, como o Super Bock Super Rock, ou o Kalorama, com concertos considerados por quem os viu exímios, Fred dá continuação à digressão de apresentação do seu novo trabalho de estúdio, “Series Vol. 1 – Madlib”. O arranque da tour de inverno, que vê hoje as primeiras datas reveladas, tem passagem marcada por Braga, Tavira, Torres Vedras, Leiria, Porto e Viseu.

AMARO FREITAS | São João da Madeira


Amaro Freitas regressa à Europa, em digressão de outono, nomeadamente, a Portugal para um concerto integrado no ciclo NovembroJazzz
 na Casa da Criatividade em São João da Madeira no dia 4 de Novembro. 

Depois de, em abril, se ter apresentado na Academia de Espinho e no Cine-Teatro de Loulé, com o público rendido ao seu talento e à sinergia única do trio, esta será a última oportunidade de em 2022 para assistir à apresentação do aclamado álbum “Sankofa” ao vivo, um resgate da cultura afro-brasileira a partir de composições vibrantes e ecléticas que recolheram elogios do público e da imprensa internacional. 

O concerto de Amaro Freitas Trio, com Jean Elton no contrabaixo e Hugo Medeiros na bateria, é uma “tour de force” de experimentação e renovação das tradicionais estruturas do jazz brasileiro. Neste concerto, o músico assume a proposta artística de cruzar elementos da cultura popular afro-brasileira com o jazz numa única espiral sonora, apresentando os temas do novo álbum, ao mesmo tempo que invoca outros clássicos do seu repertório, como “Sangue Negro” e “Rasif”. 

O espetáculo é um fluxo musical sem fronteiras que conecta, com naturalidade, as diásporas da cultura afro-brasileira à vanguarda de nomes como Vijay Iyer, Craig Taborn, Thelonious Monk e Chick Corea, este último uma das suas grandes inspirações, a quem o músico dedica o mais recente disco.

02/10/2022

TIAGO VILHENA APRESENTA NOVO DISCO "CANÇÕES MUNDANAS" DIA 27 DE OUTUBRO NO MUSICBOX


Dia 27 de Outubro pelas 22.30h no Musicbox em Lisboa, Tiago Vilhena apresenta em concerto o seu novo conjunto de músicas chamado Canções Mundanas. Uma festa para dançar, cantar e sorrir sem preconceitos. Para iniciar o serão, as canções de Bruno Seda mostram-nos o seu romantismo citadino. Só é importante ir e descontrair enquanto o mundo fica lá fora sem se intrometer nesta noite descontraída e bem-disposta. 

"Canções Mundanas" é um conjunto de músicas que foram compostas e executadas por Tiago Vilhena que, ao sabor da corrente, toma um rumo folclórico e alternativo revelando uma personalidade de cantautor. É o segundo álbum de Tiago Vilhena em nome próprio, terceiro álbum a solo contando com o seu passado como George Marvinson. 

Durante os últimos 2 anos aproveitou o isolamento para compor todas as músicas que conseguisse e o álbum que sairá dia 7 de Outubro é o resultado disso. Com influências demasiado variadas para justificar serem referidas, cria uma atmosfera sem nação, ainda que petisque costumes portugueses. Em 8 temas, fala-se de vontades, delírios, frustrações, ambições, paixões e personalidades. Nestas, emanando uma aura colorida, o artista convida-nos a aligeirar os problemas e a agradecer os sucessos sem que nos tenhamos de tornar despreocupados pelo que requer dedicação. A vida é uma construção e assim é a música também. 

Mais uma vez, e como é comum com o artista, houve uma reinvenção da sua essência musical. Tiago Vilhena apresenta-se desta vez com músicas divertidas, esperançosas, coloridas e que dão vontade de dançar. O ritmo é a chave das novas canções e a boa disposição é nítida e contagiante. "Canções Mundanas" revela-se um disco composto por músicas construídas com atenção ao detalhe. 

Com pormenores e arranjos que concretizam uma obra onde o pilar é a canção, o ligante é o instrumento e a estética é a emoção. O formato pop está presente quando escutamos o álbum, quer nas estruturas, melodias ou significados e assim se revela um trabalho coeso, animado e apaixonado.


CELINA DA PIEDADE | "Em Casa"


10 anos após a sua edição, o primeiro álbum da artista volta a estar disponível nas plataformas digitais. Nesta Casa entraram convidados como Uxia, Rodrigo Leão, OMIRI, Samuel Úria entre outros nomes da música nacional e internacional.

01/10/2022

MIRROR PEOPLE | "Heartbeats etc."


"Heartbeats etc." dá o nome ao novo álbum de Mirror People, onde estão incluídos os singles "Reckless" e "No Other Truth". Foi escrito por Rui Maia e contou com a parceria de Rö (nome artístico de Maria do Rosário), que já havia colaborado no tema "I Need Your Love". O novo longa duração de Mirror People conta também com a participação de Da Chick no divertido "Drinks Promise Better" e do duo de italo disco Hard Ton em "Do The Boogie". 

Composto e gravado entre 2018 e 2021 por Rui Maia em vários locais, como comboios, quartos de hotel ou estúdios caseiros, "Heartbeats etc." segue a linha musical já característica de Mirror People, a da música de dança com um toque disco aliada à eletrónica e à música house. 

A mistura e masterização do novo álbum de Mirror People ficaram a cargo da Arda Recorders pelas mãos de Zé Nando Pimenta e Miguel Marques. Já a produção e edição de "Heartbeats etc." e, pela primeira vez, o management e agenciamento de Mirror People estão a cargo do próprio músico, Rui Maia.

/>